sexta-feira, janeiro 18, 2008

FORA UNS DIAS


Perdi minha bicicleta
E meu cachorro primeiro
Já não me late mais...
Algumas coisas,
Significados mais vastos
Ganharam de mim!
Paciência,
Ser amigo do tempo.
Tolerar,
Viver o que de agrado não é, buscando mudanças.
Atenção,
Quem não a tem, perde algo ou alguém.
Importante,
Aquilo que deve ser feito primeiro e melhor.
Hoje me sinto meio morto
Meio vivo.
Metade culpado
E a outra absolvido.

6 comentários:

Ju Leitão disse...

Parece não alegre...

Mana Malta disse...

Culpa é a sensação egocêntrica de podermos mudar um mundo onde o livre arbítrio entra em conflito com as Escrituras Sagradas.

Anônimo disse...

Realmente vc me conhece.Identifiquei-me muito com esse texto. Maravilhoso! Profundo...
Bjs,
Aline.

Rachel Souza disse...

gostei!! Nada de culpas,hein! Não acredito muito nesse instituto.
bjo.

Patricia disse...

Ando um pouco sem tempo pra entrar no seu blog e ler com calma, e ainda comentar.
Mas quero q saiba q adoro o q escreves.
Esse texto tem até um pouco do q ando pensando, em MUDAR, pois é o maior dom q Deus nos deu, e com ele vamos longe e pra qq lugar, basta querer.
"Viver o q d agrado não é, buscando mudanças."Foi nesse trecho q me fez pensar.
Como diz Charlie Brown Junior: Cada escolha é uma renuncia essa é a vida! Então não se culpe, mude pra melhor.
AMEI!!
Bjs!! Carpe diem!!

Anônimo disse...

Até quando é triste é bonito!
Muito bom rapaz!
Michele