domingo, setembro 16, 2007

"PENSA"

É assim...
Acordo quando dá umas 6:30.
Sento aqui e espero.
Não peço nada, fico aqui e pronto
"Peço com olho, se isso for pedir então peço..."
Olho no olho de quem entra
"Me compra algo, sinto fome"
E as costas de quem sai
"Esse está mal do bolso ou pior de coração"
Sou da rua
"A rua é minha"
Vejo gente
"Eu desenho"
Sou sozinho
"Sinto frio"
Sou mendigo
"Agora amigo"
Sou Flamengo
"Pela vergonha rubro-negro ainda mais pela sujeira."
Não cuspo no prato que como
"Chão"
Não penso
"Penso"
Já disse, só olho
"Observo tudo, o mundo"
-Comprei lhe um pão e um suco,
Promoção.
Suco não, Só o pão
-É de caju, não gosta?
Aceito só comida em lata.
"Medo de veneno."
-...?
Luis.
-...?
54
-...?
Família...?
Você é reporter, faz pesquisa?
-Não
Ahh, é só perguntador então?!

2 comentários:

Felipe Malta disse...

Manhã surreal.
Conversa impossível de esquecer.
Tá sumido hein Luís!

Virginia Primo disse...

Adorei!
Que bom que temos isso em comum.
Gosto da forma que você escreve.